Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

John Lydon

Getty Images

John Lydon, ex-Sex Pistols, acusa Green Day de serem uma “vergonha” para o punk

Músico britânico não poupa nas críticas às bandas que continuam a fazer punk em 2018

John Lydon, mais conhecido como Johnny Rotten, ex-Sex Pistols e líder dos Public Image Ltd, acusou os Green Day de serem uma "vergonha" para o punk. Em entrevista ao New York Times, o músico britânico falou sobre o punk em 2018 e não poupou nas críticas: "é verdadeiramente embaraçoso".

"Quantas bandas andam aí iguais aos Green Day agora? Olho para eles e rio-me", diz Lydon, "são uns cabides. Uma versão pomposa de algo que, na verdade, não lhes pertence". O músico acrescenta ainda que o punk hoje é "uma caricatura" e verbaliza também a sua opinião sobre o rap: "um cenário perfeito para vender um par de ténis".

Na mesma entrevista, Lydon, que vive atualmente em Los Angeles, falou sobre política norte-americana e a presidência de Donald Trump: "o que a América fez foi votar num homem de negócios para substituir políticos. O negócio é a melhor alternativa? Já disse abertamente que não penso que seja. É a derradeira corrupção, mas foi nisso que a América desesperada se tornou".