Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Kanye West

Comediante diz que Kanye West “sequestrou” o elenco do “Saturday Night Live” em estúdio

Kenan Thompson diz que o primeiro episódio da nova temporada do programa de comédia se transformou num “circo” por causa do convidado musical

Kenan Thompson, comediante que integra o elenco de "Saturday Night Live" há 16 temporadas, acusou Kanye West de ter feito refém a equipa de atores do programa de comédia no passado fim de semana. O rapper foi o convidado musical do primeiro programa da nova temporada e depois da sua terceira e última atuação fez um discurso no qual reiterou o seu apoio a Donald Trump, usando um boné com o slogan de campanha do atual presidente norte-americano, "Make America Great Again".

Segundo Thompson, West convidou o elenco para se juntar a ele em palco no final do programa e antes do discurso, que acabou por não ser exibido em direto por questões de tempo, sendo tornado público num vídeo gravado por Chris Rock e partilhado no Instagram. "Vi o circo a ser montado", disse Thompson no talk show "Late Night with Seth Meyers", "ele verbalizou a sua opinião com grande aparato. Temos todos direito à nossa opinião. Não sei é se aquele era o melhor momento para sequestrar as pessoas assim".

"Assim que ele disse 'hey, juntem-se a mim em palco, todos' eu fiquei 'aqui vai o pequeno queijo para a ratoeira'. Senti-me muito mal por eles todos, porque é difícil ficar ali sem a oportunidade de contrapor os argumentos de alguém que vai totalmente contra a tua opinião pessoal... Ficar apenas ali a aguentar aquilo". Recorde-se que West disse ter sido alvo de intimidação nos bastidores: "disseram-me 'não vás para ali com esse boné'", acrescentando depois: "são tantas as vezes que tento falar sobre isto com pessoas brancas e elas dizem-me 'como podes gostar do Trump? Ele é racista'. Bom, se eu me preocupasse com o racismo, já tinha saído dos Estados Unidos há muito tempo".