Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Getty Images

Travis Barker processa clínica por negligência médica

O baterista diz que, ao fazer uma ressonância magnética, os enfermeiros o infetaram com uma agulha suja

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

Travis Barker, dos Blink-182, processou uma clínica de Santa Monica, na Califórnia, acusando os funcionários de negligência médica.

Na queixa, o baterista alega que, no passado mês de junho, foi àquela clínica para fazer uma ressonância magnética; o exame faria parte do check up de rotina necessário antes de uma nova digressão.

Para tal, Travis Barker foi sedado. O músico garante que os enfermeiros não conseguiram encontrar uma veia para injetar o sedativo, tendo-o picado pelo menos 40 vezes com uma agulha suja. Barker acredita que, na sequência desse episódio, desenvolveu uma infeção por estafilococos.

No mês seguinte, Travis Barker viu-se envolvido num acidente de viação, quando um autocarro escolar chocou com o seu automóvel. O músico, que seguia com o seu filho de 14 anos no carro, vai também processar o motorista do autocarro, que terá feito uma manobra ilegal, e a empresa de transportes.

Segundo o TMZ, que teve acesso aos processos, não é conhecido o valor que Travis Barker está a pedir de indemnização mas, considerando que os incidentes o obrigaram a recusar numerosos concertos, o montante deverá ser elevado.