Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Getty Images

Membro das Pussy Riot perde visão, fala e mobilidade. Suspeita-se de envenenamento

Peter Verzilov sentiu-se mal após ter sido presente a tribunal

Um dos membros das Pussy Riot, Peter Verzilov, foi hospitalizado em Moscovo após ter-se sentido mal depois de uma sessão num tribunal.

Segundo Veronika Nikulshina, sua companheira nas Pussy Riot e também ela presente a tribunal, Verzilov - que perdeu a visão, a fala e a sua mobilidade - estava num estado tal que "deixou de me responder, e nem sequer me reconhecia".

Apesar de correrem rumores de que Verzilov terá sido envenenado, a equipa do hospital onde o ativista se encontra recusa essa possibilidade e garante que a saúde deste "está a melhorar".

Antes deste incidente, Peter Verzilov mostrou-se bastante ativo no Twitter, queixando-se do tratamento a si dado pelas autoridades russas, que o detiveram por longos períodos de tempo sem lhe providenciar qualquer refeição.