Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Vídeos

PAUS sobre efeitos do turismo: “Custa-me perceber que os lisboetas vão ter de deixar de ser lisboetas”, diz Hélio Morais [VÍDEO]

Na próxima sexta-feira, os PAUS lançam o seu quarto álbum, ”Madeira”. Em entrevista à BLITZ, falaram sobre o novo disco - e não só

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

Rita Carmo

Rita Carmo

Fotojornalista

Com disco novo, “Madeira”, nas lojas na próxima sexta-feira, os portugueses PAUS falaram à BLITZ sobre esta nova etapa da sua carreira.

A propósito do primeiro single de “Madeira”, de título 'L123' (nome de um dos mais amplos passes intermodais da região de Lisboa), a conversa acabou por abordar as consequências do turismo na cidade.

Na entrevista que poderá ver aqui, no site BLITZ, muito em breve, cada músico dos PAUS mostrou ter uma opinião distinta, ou pelo menos complementar, sobre o fenómeno.

Hélio Morais foi o primeiro a pronunciar-se: “Ainda me recordo - e sem qualquer tipo de saudosismo - de ir às dez da noite à Brasileira e de não ver ninguém na rua. O que tem acontecido com esta vaga turística é muito fixe para a cidade, no sentido em que os espaços são recuperados, a cidade está mais segura, as casas têm melhor aspeto, entra mais dinheiro de impostos no município…”, reconhece o baterista.

“Acho que estamos é numa preguiça imensa, ou não é preguiça e aí acho mais grave, de legislar. Não sou político, não me cabe a mim pensar como se impede esta expulsão dos lisboetas – e quando falo de lisboetas, não falo de portugueses, mas de pessoas que habitam e fazem esta cidade ser o que é, há muitos anos. E custa-me perceber que os lisboetas vão ter de deixar de ser lisboetas. Já podíamos ter aprendido com os exemplos de Barcelona, Veneza e outras cidades que já passaram por isto”, acredita.

Veja, dentro de poucos dias, a entrevista completa com os PAUS no site BLITZ.