Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Três grafitters morrem na estação de comboio de Águas Santas

Jovens foram colhidos por um comboio quando tentavam pintar um outro parado na estação.

Três jovens grafitters morreram anteontem no apeadeiro de Águas Santas-Palmilheira, na Maia, enquanto tentavam pintar um comboio que havia parado nessa estação. Os jovens, um deles de nacionalidade portuguesa e os restantes de nacionalidade espanhola, tinham entre 18 e 20 anos e foram colhidos por um comboio que circulava na direção oposta. Os grafitters estariam acompanhados por um outro jovem, que forçou a porta do comboio para que este não deixasse a estação e pudesse, então, ser pintado pelos demais. Terá sido nessa altura que um outro comboio, rumando na direção oposta, atropelou os três jovens. Vários artistas da zona do Porto, ligados ao graffiti e ao hip-hop, apresentaram as suas condolências através do Facebook, bem como Alexandre Farto, mais conhecido como Vhils.