Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Smartphones e leitores de música estão a causar perda de audição nos jovens

Quem avisa é a Organização Mundial de Saúde: o ideal será usar fones não mais do que uma hora por dia.

A OMS avança que milhões de jovens em todo o mundo correm o risco de sofrer perda de audição pelo facto de ouvirem música em volume elevado. De acordo com um estudo realizado em países com poder de compra médio ou alto, metade dos jovens entre os 12 e os 35 anos ouvem música em níveis de volume desaconselhados, tanto em leitores de música portátil como em telefones móveis. O estudo revela também que cerca de 40 por cento dos adolescentes e jovens adultos estão expostos a níveis de som danosos tanto em discotecas e bares, como em eventos desportivos. Sublinha-se, como exemplo, que é igualmente prejudicial estar sujeito a níveis de 85 decibéis por oito horas ou a 100 decibéis durante 15 minutos. A OMS recomenda que os jovens façam intervalos na audição, usem aplicações para limitar o volume dos smartphones e considerem usar leitores portáteis por um período não superior a uma hora por dia. Foto: Daniel Zedda (sob licença Creative Commons)