Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Rui Reininho: 'A música não atrai calicidas, fungicidas e champôs'

Em entrevista à BLITZ, os GNR - que este mês oferecem, com a nossa revista, um disco ao vivo - falam sobre a participação de Rui Reininho no programa The Voice.

Este mês, a BLITZ oferece um CD grátis dos GNR. Trata-se de Afectivamente Ao Vivo, um álbum gravado no Theatro Circo de Braga no passado mês de maio. Leia aqui parte da entrevista de Ana Patrícia Silva à banda do Porto.

O disco ao vivo dos GNR, grátis com a BLITZ de setembro Rui, vai voltar ao The Voice? Rui Reininho: Não, não, não. Começaram com uma conversa de reduzir muito os ordenados e eu "eiiiii... nem pensar". Tóli César Machado: Eu acho que as pessoas estão um bocadinho cansadas disso, já ninguém liga.  Rui Reininho: Não é uma coisa realista.  Por outro lado, é dos poucos programas de música na televisão... RR: A vantagem que eu vejo é que tem banda, é ao vivo e tal. Mas depois aquilo não tem consequências. Isto está na mão de pessoas que só estão interessadas no negócio. Os próprios programas temáticos chegaram à conclusão que a música não é muito boa para os anunciantes. As pessoas desprezam muito esta... arte, digamos assim. E não é coisa que atraia os calicidas, fungicidas e champôs. Não é uma coisa que seja muito apetecível.  Para ler a entrevista na íntegra, e ouvir o disco ao vivo dos GNR, consulte a BLITZ de setembro, já nas bancas (capa: Pink Floyd).