Blitz

siga-nos

Perfil

Notícias

Morreu James Owen Sullivan, baterista dos Avenged Sevenfold

Baterista faleceu esta Segunda-feira em casa, aos 28 anos. Tal como Rose Tattoo, cujo guitarrista morreu na semana passada, Avenged Sevenfold estiveram no SBSR 2008.

O baterista dos norte-americanos Avenged Sevenfold, James Owen Sullivan, morreu esta Segunda-feira, 28 de Dezembro, aos 28 anos. A notícia é confirmada pelo grupo e pelas autoridades da Califórnia. Segundo estas fontes, James Owen Sullivan, cuja alcunha era "The Rev", parece ter morrido de causas naturais. Contudo, o músico deverá ser alvo de uma autópsia, cujos resultados a BLITZ noticiará quando divulgados. "O Jimmy era não só um dos melhores bateristas do mundo, mas mais importante do que isso, era o nosso melhor amigo e o nosso irmão", escreveram os Avenged Sevenfold no seu site. Além de baterista, "The Rev" escrevia algumas das músicas da banda e dizia-se influenciado por Danny Elfman (o autor de várias bandas sonoras de filmes de Tim Burton) e pelos Mr. Bungle. Em 2006, James Owen Sullivan despertou a atenção quando a revista Revolver colocou a sua banda na capa e descreveu a ligação do baterista ao consumo de cocaína e outras drogas. A história foi parcialmente negada pelo baterista: "Se estivéssemos sempre descontrolados não conseguíamos fazer nada", terá esclarecido mais tarde. Os Avenged Sevenfold preparam-se para gravar um novo álbum, depois do sucesso dos primeiros quatro discos. Este tem sido um Natal negro no que toca a mortes no mundo da música: além de James Owen Sullivan, também Mick Cocks, guitarrista dos australianos Rose Tattoo, faleceu esta semana, vítima de cancro. Curiosamente, ambas as bandas actuaram na edição de 2008 do festival Super Bock Super Rock, em Lisboa. No Dia de Natal, também o singer-songwriter Vic Chesnutt morreu, aos 45 anos, vítima de ingestão excessiva de comprimidos.

Os Avenged Sevenfold no Super Bock Super Rock de 2008, em Lisboa