Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Madonna interrompeu concerto para falar dos atentados de Paris: 'querem silenciar-nos'

A cantora atuava em Estocolmo quando, antes de interpretar 'Like A Prayer', fez um discurso em memória das vítimas.

À semelhança de outros artistas, Madonna também se encontra a braços com uma digressão europeia. Este fim-de-semana atuou em Estocolmo, após os atentados em Paris, que vitimaram cerca de 130 pessoas. Antes de interpretar "Like A Prayer", a cantora interrompeu o espetáculo para se dirigir à audiência. "Tem sido muito difícil para mim dar este concerto sem esquecer o que se passou ontem", disse, antes de lamentar os ataques terroristas. Chorosa, Madonna disse ainda que não cancelou o concerto, como o fizeram, por exemplo, os U2 e os Coldplay, apesar de o poder ter feito. "Porque é que havia de dar isso [aos terroristas]? Porque é que hei-de deixar que eles me impeçam, que nos impeçam de gozar a liberdade?", justificou. Madonna iniciou, no início do mês, a etapa europeia da Rebel Heart Tour, tendo duas datas marcadas em Paris, a 9 e 10 de dezembro, na Bercy Arena, e cuja realização não está para já posta em causa. Veja um vídeo do discurso da cantora em Estocolmo: