Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Kurt Cobain: fotos do cadáver não serão reveladas, decidiu juíza

Courtney Love e Frances Bean pediram que as imagens não fossem publicadas, barrando assim o pedido de Richard Lee, que não acredita que Cobain se tenha suicidado.

Foi negado em tribunal o pedido de Richard Lee, cidadão norte-americano que não acredita que Kurt Cobain se tenha suicidado, para que as fotos do músico encontrado sem vida fossem reveladas publicamente. Tanto Courtney Love, viúva de Kurt Cobain, como a filha dos músicos, Frances Bean, pediram ao tribunal que o pedido de Lee fosse recusado. "A mim chamam-me constantemente assassina e recebo ameaças de morte por parte de pessoas obcecadas por teorias da conspiração, que acreditam que eu estive envolvida na morte do meu marido. A divulgação pública destas imagens só iria exacerbar estas atividades e pôr a minha segurança ainda mais em risco", escreveu Courtney Love. Por seu turno, Frances Bean declarou que, à semelhança da sua mãe, também recebe, a toda a hora, ameaças de parte de "pessoas muito perturbadas que são obcecadas pelo meu pai. Uma vez, um stalker entrou em minha casa enquanto eu estava de férias, e ficou à minha espera três dias.(...) Dizia que tinha de estar comigo porque a alma do meu pai tinha entrado no meu corpo". A juíza Therese Doyle considerou que o apelo de Richard Lee não foi apresentado convenientemente. O homem já disse ao Seattle Times que pretende tentar novamente a sua sorte, argumentando: "Nunca ouvi falar de um caso onde a divulgação pública de algo tão importante fosse negada por circunstâncias tão triviais".