Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Jon Spencer: 'O rock'n'roll permitiu-me ser outra pessoa'

O músico norte-americano, que no final de agosto atua no Reverence Valada, é um dos entrevistados da BLITZ Fest distribuída gratuitamente com a BLITZ de agosto. Veja o vídeo novo da Jon Spencer Blues Explosion.

Jon Spencer, líder da Jon Spencer Blues Explosion, é um dos entrevistados da BLITZ Fest distribuída gratuitamente com a BLITZ de agosto, já nas bancas. Na revista dedicada exclusivamente aos festivais, pode ler uma conversa com o músico norte-americano, que no final de agosto toca no Reverence Valada. Veja aqui um breve excerto dessa entrevista com Jon Spencer: "Perguntamos a Jon Spencer se uma banda como os Pussy Galore poderia existir hoje em dia, e a sua resposta vagueia por áreas cinzentas: 'não sei. Haverá sempre alguém que se vá sentir ofendido [com algo], mas não sinto que [na música] exista qualquer tipo de autocensura'. Sabendo do seu passado, estranhamos o pedido feito. Não será o 'respeito' uma verdadeira antítese daquilo que significa o rock'n'roll? 'Estou-me nas tintas para isso', afirma, perentório. 'Se te preocupas com o que é o rock ou não, vais acabar por fazer música terrível. Não estou interessado em conformar-me à noção que alguém terá do rock'n'roll', explica-nos, concordando contudo que a liberdade poderá ser uma forma de definir esta corrente musical: 'o rock'n'roll permitiu-me ser outra pessoa', remata, com a sapiência de um ator". Veja aqui o vídeo novo da Jon Spencer Blues Explosion, "The Ballad of Joe Buck":