Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

John Lennon "tinha vontade de fazer sexo com homens", diz Yoko Ono

A viúva do Beatle diz que o marido era bissexual mas que nunca teve coragem para estar com um homem.

Yoko Ono falou dos rumores que circulam há anos sobre a sexualidade de John Lennon e um suposto caso com Brian Epstein, manager dos Beatles. Em entrevista ao site The Daily Beast, a viúva dos Beatle defende que o marido era bissexual, que tinha o desejo de estar com homens mas que nunca o fez.

"O John e eu tivemos uma longa conversa sobre o assunto, dizendo, basicamente, que todos nós devemos ser bissexuais", começa por dizer Ono, "e estávamos naquela situação de pensar que não somos devido à sociedade. Portanto, estamos a esconder o nosso outro lado, que é menos aceitável. Mas eu não tenho nenhum desejo sexual forte por outra mulher". 

Lennon chegou a dizer que a sua relação com Epstein era "quase um caso amoroso... nunca consumado" e Ono defende agora: "a história que me foi contada era bastante explícita e a partir dela penso que eles não tiveram sexo. Estou certa de que o Brian Epstein tentou, sim... O John simplesmente não queria, penso eu. Penso que ele tinha vontade de fazer sexo com homens, mas era demasiado inibido".  

Segundo Ono, no início de 1980, ano em que foi assassinado, Lennon disse-lhe: "podia tê-lo feito, mas não consigo porque nunca encontrei ninguém que fosse assim tão atraente".