Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Jay-Z critica YouTube e Spotify em concerto: veja aqui o vídeo

Rapper deu um concerto exclusivo para assinantes do Tidal e aproveitou para mandar umas "bocas" à concorrência.

Num concerto exclusivo para assinantes do Tidal, serviço do qual é dono, Jay-Z aproveitou para criticar a concorrência direta da plataforma, no caso o YouTube e o Spotify. "O YouTube é o maior culpado [pelo estado da indústria], só pagam um décimo do que deviam pagar", comentou, durante um freestyle. Quanto ao Spotify, Jay-Z diz que "valem nove mil milhões e não dizem puto". Antes da sua atuação, foi noticiado que Jay-Z e Beyoncé pagaram as fianças dos manifestantes detidos durante os motins de Baltimore e Ferguson, tendo igualmente doado dinheiro ao movimento Black Lives Matter, formado após a morte do jovem afro-americano Trayvon Martin às mãos da polícia. Quem o revelou foi a escritora e ativista dream hampton, no Twitter. Quanto ao concerto em si, foi inteiramente composto por lados B e raridades, algumas das quais o rapper nunca tinha interpretado ao vivo. Durante o mesmo, fez igualmente um minuto de silêncio em honra de B.B. King, músico falecido na semana passada. Veja aqui o vídeo:
PAC Getty Images