Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Finley Quaye, estrela dos anos 90, expulso de palco por promotor do seu próprio concerto: veja o vídeo

'Não quero poluir a minha sala [de espetáculos] com porcaria', disse o organizador de um concerto do artista inglês. Está tudo registado em vídeo.

Finley Quaye, voz de êxitos dos anos 90 como "Sunday Shining" e "Even After All", foi expulso de palco pelo promotor do seu próprio concerto no Covent Club, em Woodchester, Inglaterra. Matt Roberts, organizador do concerto, pôs termo à atuação, dizendo "desculpem-me, trabalho nesta indústria há 28 anos e tenho uma reputação a defender", tendo de seguida mandado Quaye e banda de volta para casa. "Vamos reembolsar o valor dos bilhetes, e só posso pedir desculpa. Não vou poluir a minha casa com porcaria". O concerto durou 30 minutos. O promotor revelou também que Quaye e banda faltaram ao soundcheck. Maverick a Strike, álbum de 1997 de Finley Quaye recebeu vários Discos de Platina - e o artista vários prémios no final dos anos 90 -, mas os tempos mais recentes têm sido difíceis, com o envolvimento do músico em casos de posse de droga e violência doméstica. Veja aqui o vídeo: