Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Esclarecida a polémica em torno da H&M: tudo não passou de uma brincadeira

Henri Sorvali, guitarrista dos finlandeses Finntroll, admitiu ser autor da partida.

Está esclarecida a polémica que dava conta de que a multinacional sueca H&M estaria a promover uma nova linha de moda recorrendo a bandas falsas de heavy metal. Tudo não passou, afinal, de uma partida. Apesar de a empresa de moda estar realmente a promover roupa inspirada pela subcultura metal, o restante embuste, que diz respeito às biografias e canções das supostas bandas, foi perpetrado pelo guitarrista da banda finlandesa Finntroll, que admitiu à Noisey estar por detrás de tudo, incluindo da falsa editora Strong Scene Productions. De acordo com Sorvali, a brincadeira é uma reação ao facto da multinacional se estar a apropriar de uma cultura que desconhece para fins comerciais. "Quisemos mostrar que não se pode comercializar uma subcultura sem na verdade conhecer todos os seus aspetos", disse, acrescentando que "o propósito [da partida] era mostrar que a cultura metal é mais que um logótipo "fixe" numa roupa da moda". A H&M continua sem se pronunciar. Ressalve-se que os Finntroll passaram por Portugal no passado dia 20, num concerto que teve lugar no Hard Club, no Porto. PAC Foto Getty Images