Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Deerhunter fazem versão de 'Today', dos Smashing Pumpkins, a gozar com Billy Corgan

Guerra aberta entre os Deerhunter e os Smashing Pumpkins, com Billy Corgan a ameaçar levar os primeiros a tribunal.

Depois de ter contado uma altercação que teve com Billy Corgan, em 2007, num concerto em que os Deerhunter abriram para os Smashing Pumpkins, Bradford Cox voltou a "picar" Corgan em palco. O músico, juntamente com os restantes Deerhunter, atuou no passado domingo em Filadélfia, tendo feito uma versão de "Today", dos Smashing Pumpkins, ao mesmo tempo que pedia a Corgan para que "não o procesasse". Antes de começar a versão de "Today", Cox pediu à audiência para que não a filmasse, dizendo mesmo "quem fizer upload disto para o YouTube pode chupar-me a p...", pedido que terá caído em ouvidos moucos - porque o vídeo existe.
Segundo Cox, tudo começou em 2007, quando o músico foi maltratado pelos seguranças dos Pumpkins, após ter tirado uma garrafa de água que pertenceria à entourage da banda. O líder dos Smashing Pumpkins tê-lo-à então insultado, dizendo que os Deerhunter eram "uma bandinha indie rock insignificante" e salientando que "foram convidados para abrir para os Smashing Pumpkins, mas não por mim". O vocalista dos Deerhunter viu-se obrigado, entretanto, a pedir desculpa aos Smashing Pumpkins e a Billy Corgan, após um comunicado dos primeiros em que diziam que "a história [contada por Cox] é uma ficção completa" e ameaçando com um processo em tribunal, alegando difamação.