Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Crítica arrasa livro de Morrissey: 'Não o encorajem a escrever mais romances'

O jornal britânico The Guardian escreveu sobre List of the Lost, o novo livro de Morrissey, e não foi meigo na apreciação.

O jornal britânico The Guardian publicou uma crítica particularmente negativa ao novo livro de Morrissey, List of the Lost, apontando-lhe falta de coerência temática e até erros ortográficos e gralhas.

"É habitual, neste tipo de artigo, dizermos que lemos o livro para o leitor não ter de o ler. Geralmente é a brincar. No caso do List of the Lost, contudo, é completamente verdade. Não leiam este livro, mesmo que vos pareça tentador na sua brevidade. Todos os que o levaram a ser impresso deviam ter vergonha, pois é complicado imaginar que algo tão ruim tenha sido posto entre capas por alguém que não um editor vaidoso. Este livro é uma poia por polir, o excremento seco da imaginação de Morrissey". Comparando List of the Lost à autobiografia do músico, escreve o The Guardian: "Por favor, não encorajem o Morrissey a escrever mais romances. Enquanto Autobiography era fascinante, por vezes belo, com suficiente charme para equilibrar o fel, List of the Lost não oferece nada, a não ser a incrível proeza de, num livro tão breve, conseguir ser aborrecido". O crítico do Guardian menciona ainda a aparente falta de edição a que o livro foi sujeito: "Não são só as gralhas e os erros gramaticais - que existem com abundância - mas as divagações sem fim, a incapacidade de chegar a uma conclusão de qualquer tipo".