Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Black Sabbath: Bill Ward quer pedido de desculpas, Ozzy responde torto

Está cada vez mais longe a hipótese de ver o quarteto original em palco.

Desde 2012 que Bill Ward, baterista original dos Black Sabbath, tem estado às turras com os ex-colegas, após ter recusado participar numa nova reunião da banda devido a questões contratuais. E, aparentemente, a discussão não terá fim à vista, o que implica que os membros originais da banda britânica possam nunca mais aparecer juntos em palco, já que os Sabbath anunciaram que iam cessar atividade este ano, após um último álbum.

Numa mensagem partilhada através da sua conta no Facebook, Ward explicou as suas razões para não ter participado na reunião de há três anos e criticou Ozzy Osbourne pelas declarações que este tem prestado quando questionado sobre esta controvérsia, exigindo mesmo um pedido de desculpas por parte do cantor "para poder voltar a ser seu amigo", como diz.

Através do seu website oficial, Ozzy Osbourne não tardou a responder. "Não vou pedir desculpa por qualquer comentário ou opinião que posso ter dado", escreve, acrescentando que os três restantes membros dos Sabbath decidiram continuar sem Ward porque este estaria incapaz de "dar um concerto de duas horas, todas as noites", devido a alegados problemas físicos. O músico acrescenta ainda que a doença do guitarrista Tony Iommi pesou na decisão: "sentimos que estávamos a ficar sem tempo".

Ozzy Osbourne pede ainda a Ward para que "deixe de se fazer de vítima" e para parar com as discussões sobre "supostos contratos, antes que as coisas descarrilem". A contenda parece, contudo, estar longe de terminar.

Recorde-se que um possível último concerto dos Sabbath estava marcado para a etapa japonesa do Ozzfest, em novembro, tendo entretanto sido cancelado e substituído por um de Ozzy Osbourne "com amigos", não se sabendo ainda se algum dos membros dos Black Sabbath participará. A banda está neste momento a preparar o seu último disco de estúdio, que porá fim a uma carreira com quase 50 anos e que será produzido por Rick Rubin. 

PAC