Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Adele bate recordes dos Oasis e 'N SYNC, domina o mundo no iTunes e está na capa da BLITZ deste mês

Em apenas sete dias, 25 vendeu mais de 3 milhões de cópias nos Estados Unidos e quase 1 milhão no Reino Unido.

O novo álbum de Adele, 25, bateu recordes de vendas em todo o mundo, mesmo nos sempre concorridos mercados norte-americano e britânico. A artista inglesa, na capa da BLITZ de dezembro (já nas bancas), conseguiu também a proeza de dominar o mundo no iTunes, chegando ao prímeiro lugar em 110 países, dos 119 em que a loja digital da Apple existe. 

Nos Estados Unidos, o terceiro álbum de Adele vendeu 3 milhões e 380 mil cópias nos primeiros sete dias em que esteve disponível, batendo assim um recorde que pertencia à boy band 'N SYNC, cujo álbum No Strings Attached vendeu 2 milhões e 400 mil exemplares em março do ano 2000. 51% das vendas correspondem a formatos físicos (CDs e vinil) e os restantes 49% a sites de download como o iTunes, representando o número de vendas 67,1% das vendas totais do top 200 americano na semana passada. Em apenas dois dias 25 ultrapassou as vendas de 1989, editado no ano passado por Taylor Swift, nos primeiros sete dias: 1 milhão e 900 mil contra 1 milhão e 300 mil. 

Já no Reino Unido, 25 vendeu 803 mil cópias na primeira semana, roubando o recorde de Be Here Now, dos Oasis, que em 1997 vendeu 696 mil exemplares. Entretanto, o disco já passou a marca do milhão (conseguiu o feito em 10 dias), tornando-se o mais rápido de sempre. 

No Canadá, o álbum vendeu mais de 300 mil exemplares numa semana, ultrapassando Let's Talk About Love, de Céline Dion, que em 1997 vendeu 230 mil em sete dias. Na Austrália, 25 tornou-se tripla platina numa semana (o que corresponde a mais de 210 mil exemplares vendidos); na Alemanha vendeu 263 mil cópias, o que significa que foi a melhor semana de vendas para um álbum em oito anos; em França o disco vendeu 170 mil exemplares, tornando-se o quarto álbum mais vendido numa semana da última década.

Quanto às vendas digitais, 25 domina o iTunes em praticamente todo o mundo, estando em primeiro lugar em 110 países e tendo batido no primeiro dia o recorde do álbum homónimo de Beyoncé (2013) - nas primeiras 24 horas foi comprado por 900 mil pessoas e Beyoncé vendeu "apenas" 617 mil exemplares nos primeiros três dias. A loja da Apple está disponível em 119 países e alguns dos países em que o disco não alcançou o primeiro lugar foram o Quirguistão, o Niger ou o Burkina Faso. Veja o mapa publicado pelo Digital Spy abaixo.

Fonte: Digital Spy Países a verde - 25 chegou a número 1 Países a vermelho - 25 não chegou a número 1 Países a cinzento - iTunes não está disponível

A BLITZ nº 114, com Adele na capa, já nas bancas