Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Getty Images

Ex-manager diz que Mariah Carey estava “completamente drogada” durante atuação desastrosa na passagem de ano

Na sequência do despedimento da sua manager, continuam as revelações sobre o estado mental de Mariah Carey

Após ter despedido a sua manager, Mariah Carey tem estado no centro das atenções, com os advogados da sua antiga representante a fazerem revelações sobre o seu comportamento e os seus alegados problemas de saúde mental.

Além de garantirem que Mariah Carey esteve internada numa clínica psiquiátrica, após informar a ama dos seus filhos de que Michael Jackson, Whitney Houston e Prince, já falecidos então, viriam jantar consigo, os advogados pronunciaram-se agora sobre a atuação da cantora na passagem de ano de 2016 para 2017.

Na altura, Mariah Carey aludiu a problemas técnicos para explicar o fiasco; agora, os advogados da sua antiga manager afiançam que a norte-americana estava “completamente drogada” e mal conseguia subir ao palco.

Os advogados de Stella Bulochnikov, recentemente despedida, afirmam que Mariah Carey sofre de dependência de álcool, comprimidos e marijuana, recusando-se a tomar os medicamentos para a doença bipolar de que já disse padecer.