Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Getty Images

Glenn Tipton, dos Judas Priest, revela que sofre da doença de Parkinson e anuncia o adeus aos palcos

O guitarrista dos Judas Priest vai ser forçado a retirar-se dos palcos

Glenn Tipton, guitarrista dos Judas Priest, anunciou esta semana a sua retirada dos palcos.

O notícia foi dada pela própria banda, que justifica esta decisão do seu guitarrista com o facto de lhe ter sido diagnosticada a doença de Parkinson.

"De momento, o Glenn ainda consegue tocar e interpretar algumas das canções menos desafiantes dos Judas Priest. Mas, devido à natureza da sua doença, ele quer que saibam que já não andará em digressão", pode ler-se, em comunicado.

O guitarrista esclarece, no entanto, que não irá deixar a banda. "A digressão dos Judas Priest continuará como planeado. O meu papel [na banda] é que mudou", diz. "Num futuro não muito distante, espero poder voltar a ver os nossos maravilhosos metaleiros".

Glenn Tipton será, agora, substituído pelo produtor Andy Sneap, que já trabalhou com os Judas Priest e também com bandas como os Opeth e os Megadeth.

Recorde-se que a banda britânica passará por Portugal no dia 2 de julho, data em que fará a primeira parte do concerto de Ozzy Osbourne na Altice Arena, em Lisboa.