Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Getty Images

Salma Hayek diz que Harvey Weinstein ameaçou “partir-lhe as rótulas”

A atriz Salma Hayek falou dos abusos que sofreu às mãos do produtor Harvey Weinstein

Salma Hayek falou sobre os abusos que sofreu por parte de Harvey Weinstein, produtor acusado de diversos crimes de assédio e abuso sexual.

À conversa com Oprah Winfrey, a atriz revelou que foi ameaçada constantemente por Harvey durante as filmagens de Frida, filme de 2002 sobre a vida e obra da pintora Frida Kahlo.

"Disse-me que me queria matar. Que ia partir-me as rótulas", contou.

A atriz já havia revelado que Weinstein a tinha assediado durante essas mesmas filmagens, algo que o produtor negou.

Para Hayek, não ter contado a sua história mais cedo e ao lado de outras vítimas é motivo de vergonha. "[O jornal Times] ligou-me e pediu-me para contar a minha história. Nesta altura já se começava a falar de muita coisa", explicou.

"Comecei a chorar quando mo pediram, e acabei por não o fazer. E depois tive vergonha de ser uma cobarde. Ando a apoiar as mulheres há duas décadas, e fui cobarde".