Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

U2 atuam nos Grammys e “picam” Donald Trump: “Abençoados sejam os países de m*rd*”

Atuação dos U2 na cerimónia dos Grammys ficou marcada pelas críticas a Trump

Depois de terem ajudado Kendrick Lamar a abrir a cerimónia, os U2 voltaram a subir ao palco dos Grammys para interpretar "Get Out Of Your Own Way", tema presente no seu último álbum, Songs Of Experience.

A banda irlandesa dedicou a sua atuação aos chamados Dreamers, nome atribuído aos emigrantes ilegais nos Estados Unidos que entraram no país quando eram menores de idade.

Não só isso, como ainda aproveitou para criticar Donald Trump e, em especial, um comentário feito por este há alguns dias em que se refere ao Haiti e a outros países africanos como sendo "países de m*rd*".

"Abençoados sejam os países de m*rd*, porque nos deram o Sonho Americano", gritou Bono num megafone decorado com a bandeira dos EUA.

Esta parte da atuação seria, no entanto cortada da transmissão televisiva, mas pode ser vista aqui: