Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

George Michael

George Michael sobre a sua vida num novo documentário: “Foi tudo uma perda de tempo e de esforço”

No filme que estreia na semana que vem na televisão britânica, o cantor falecido em 2016 disse que gostaria de ser recordado pela sua integridade

George Michael considerava a sua vida "uma perda de tempo e de esforço". As declarações foram feitas pelo artista britânico, falecido no final do ano passado, numa entrevista incluída num novo documentário, intitulado George Michael: Freedom, que estreia na próxima semana na televisão britânica

O artista esteve envolvido na realização do filme, que conta com entrevistas ao próprio mas também a colegas e amigos como Elton John, Liam Gallagher, Kate Moss, Stevie Wonder, Naomi Campbell ou Mary J. Blige, até dois dias antes de morrer, a 25 de dezembro.

Segundo o jornal Metro, as referidas declarações de Michael foram gravadas pela MTV. No excerto, o músico é questionado sobre a forma como gostaria de ser recordado depois de morrer. "Como um grande escritor de canções", começou por responder, "e espero que as pessoas pensem em mim como alguém que tinha alguma integridade".

"Espero ser lembrado por isso, de certa forma", acrescenta, "mas é pouco provável. Foi tudo uma perda de tempo e de esforços". Veja o trailer do documentário abaixo.