Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Getty Images

A solidão de Selena Gomez: “Acho que conheço toda a gente, mas não tenho amigos”

A cantora norte-americana falou dos seus problemas de saúde mental em nova entrevista

Em nova entrevista à Business of Fashion, a cantora norte-americana Selena Gomez falou dos seus problemas de saúde mental e de como os tem tentado superar.

A cantora, que é também a pessoa mais seguida no Instagram, fez uma pausa das redes sociais durante três meses, no ano passado, de forma a procurar ajuda.

"Perguntei a professores, a treinadores, a agentes, pessoas que respeitava pela maneira como viveram a sua vida. E, a partir daí, estive com pessoas que pensavam da mesma forma que eu. Tu és aqueles com que te rodeias", explicou.

"Se estás com pessoas que acham que [esses problemas] são parvos e ridículos, que te dizem 'és louca, estás perfeitamente bem!', mas tu não te sentes assim, será hora de reavaliar isso", continuou.

"Descobrir de onde isto vem é um caminho longo. E soltares-te disto também. É um vício, um hábito, treinas a tua mente para que não vá para este tipo de sítios negativos quando dizes ou fazes algo de errado. Mas é solitário: tive de perder muita gente na minha vida para lá chegar".

Mesmo agora, a cantora continua a sentir alguma solidão. "Acho que conheço toda a gente, mas não tenho amigos. Devo ter uns três amigos aos quais posso contar tudo, mas conheço toda a gente". E concluiu: "tens de manter aquelas poucas pessoas que te respeitam, que querem o melhor para ti e que queres o melhor para elas. É piroso, mas é duro".