Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

João Carvalho, diretor do festival Vodafone Paredes de Coura

Hugo Lima

As grandes mudanças do Vodafone Paredes de Coura este ano

Em entrevista à BLITZ, João Carvalho, diretor do festival que se realiza de quarta a sábado, revela as alterações feitas no recinto

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

Às portas da 25ª edição do festival, João Carvalho, homem forte da promotora Ritmos, deu uma entrevista à BLITZ sobre o que esperar do Vodafone Paredes de Coura em 2017. A história do festival que começou em 1993, como uma brincadeira de amigos, e os maiores desafios que a sua equipa tem sabido superar até agora são outros dos temas da conversa que tivemos com João Carvalho, e que será publicada na íntegra em breve.

Este ano, o recinto apresentará novidades e melhoramentos, nomeadamente no que toca à zona da restauração e das casas-de-banho, tanto no recinto principal como na zona do campismo.

"No campismo, estamos a criar uma nova zona de higiene", revela João Carvalho. "Terá novos chuveiros, o dobro ou o triplo dos lava-loiças e o triplo das casas de banho, sendo que todas elas vão estar ligadas à rede de esgotos", diz, congratulando-se por ter conseguido levar a cabo esta obra. "Estávamos para fazê-la há muito tempo; é um investimento muito grande. Mas devemos ser um dos únicos festivais no mundo onde se pode ir à casa-de-banho como se se estivesse em casa, com autoclismo. Isto em todo o campismo".

As obras de melhoramento do recinto começaram em outubro de 2016, com "a colocação de um novo tapete de relva e de um sistema de rega. A relva está a ficar bonita, embora eu ache que só ficará em ponto de rebuçado na próxima edição", acredita. "Desde que comecei o festival que tenho um desejo: ter aquela relva imaculada, sem qualquer tipo de irregularidade. [Mas] este ano foi preciso levar água potável a todo o campismo, pelo que tivemos de rasgar a terra para [poder] passar a tubagem. Ainda não [foi desta que consegui concretizar] aquele sonho de poder dizer: está tudo perfeito, desta vez ninguém mexeu em terras".

Vodafone Paredes de Coura

Vodafone Paredes de Coura

Rita Carmo

Entre 16 e 19 de agosto os festivaleiros poderão encontrar, também, novas zonas de descanso no recinto. "O objetivo é que quem entre no festival leve com a natureza na cara. Há árvores seculares muito bonitas que, dantes, não estavam à vista. Tirámos a zona de imprensa do sítio onde estava e há um patrocinador que vai continuar lá, mas de outra forma, precisamente para que aquela zona seja de descanso e possamos contemplar melhor a natureza".

Também a zona de restauração no recinto será melhorada. "O espaço onde estava não era muito convidativo", reconhece João Carvalho.

No parque de campismo, que em média recebe 15 mil pessoas por ano, haverá igualmente mudanças dessa natureza.

"A zona de alimentação do campismo - a chamada Feira de Paredes - vai para o sítio onde estavam as casas-de-banho, o que nos permite aumentar também a zona de campismo. As casas-de-banho passam para a zona de cima, onde ficará tudo o que tem a ver com higiene: chuveiros, lava-loiças...".

Apesar de frisar que não gosta de "promover o festival", falando das vendas de bilhetes, João Carvalho garante que, este ano, as vendas estão "acima de qualquer outro ano, inclusivamente de 2015, edição que esgotou. Tudo leva a crer que o festival vá esgotar e possivelmente antes do que aconteceu em 2015, edição que esgotou no dia 9", diz. "Digo-o apenas como alerta. Mesmo no ano em que dissemos que só faltavam dois mil bilhetes, houve pessoas que iam a Paredes de Coura desde sempre, que não compraram bilhete e depois apareceram à porta a chorar. Às vezes temos de divulgar não para promover, mas para as pessoas saberem".

Este ano, Paredes de Coura tem registado 30% de vendas para o estrangeiro, 18% dos quais de Espanha. Mas há também muitos espectadores de Alemanha, Inglaterra, Itália e Bélgica, diz João Carvalho.

O Vodafone Paredes de Coura realiza-se na vila minhota do mesmo nome, de 16 a 19 de agosto. Este ano, Benjamin Clementine, Foals, Beach House, At the Drive-In, Mão Morta, Manel Cruz e Future Islands são alguns dos nomes em destaque no cartaz.

Festival Paredes de Coura

Festival Paredes de Coura

Rita Carmo