Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Getty Images

Lars Ulrich explica porque não tem tatuagens

O baterista dos Metallica explicou porque decidiu não tatuar nada na sua pele

No mundo do rock e do metal, ter tatuagens é algo normal - excepto para Lars Ulrich, baterista dos Metallica.

Em entrevista ao website australiano 11Alive, o músico começa por afirmar que "nunca tinha pensado nisso", mas depois justifica-se.

"É a ideia de ter alguém a espetar-me agulhas, e a deixar tinta permanente [na minha pele]... Não é algo que eu considere um comportamento normal", afirma.

O baterista foi, até, mais longe: "porque é que as pessoas não comem carvão? Ou se atiram do Empire State Building?", questionou, antes de pedir desculpa pelas suas palavras anteriores. "Não quero desrespeitar quem tem tatuagens, mas isso não é para mim", concluiu.