Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Jay Z

Mãe de Jay-Z assume a sua homossexualidade

Gloria Carter declama um poema sobre a sua experiência num dos temas do novo álbum de Jay-Z

Gloria Carter, mãe de Jay-Z, é uma das vozes presentes no novo álbum deste, 4:44. E é, também, uma das mais importantes, tendo usado o disco como plataforma para assumir a sua homossexualidade.

Em "Smile", o rapper fala de como Gloria "teve quatro filhos, mas é lésbica" e de como "teve de fingir durante tanto tempo que se tornou atriz", ele que se diz "orgulhoso" pela mãe.

Já Gloria declama, na mesma faixa, um poema sobre a sua experiência, dizendo ter "vivido duas vidas, feliz mas não livre". "Vives nas sombras por ter medo que alguém magoe a tua família ou alguém que amas", continua.

A mãe de Jay-Z contou desde logo com o apoio não só do rapper mas também da GLAAD, uma organização que monitoriza a forma como as pessoas LGBTQ são retratadas nos média, e cuja diretora executiva afirmou que Gloria "enviou uma mensagem de fortalecimento à comunidade LGBTQ".