Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

A mente de um viciado em sexo, por Ozzy Osbourne

Ozzy Osbourne falou sobre o seu problema, em nova entrevista

Um ano após ter-se confessado "viciado em sexo", Ozzy Osbourne falou sobre o seu problema em nova entrevista com a revista Hello!.

O músico discutiu ainda a sua relação com Michelle Pugh, cabeleireira com a qual teve um caso extra-conjugal. "Não sei como começou, mas ganhou ímpeto e eu pensei, 'se parar, ela conta tudo à imprensa'. Ao cederes à tentação estás a colocar a tua cabeça na boca do leão, mas depois ela fecha-se", disse.

Já a sua mulher, Sharon Osbourne, afirmou que nunca pensou que o seu marido e Pugh tivessem um caso - dizendo mesmo só ter tomado conhecimento dele através da imprensa. "Ela é só uma gaja velha do rock. Nunca na vida [teria um caso com Ozzy]", comentou.

O músico revelou, então, o medo que sentiu quando o caso foi tornado público. "A minha primeira mulher divorciou-me por causa da minha infidelidade. [O vício em sexo] é o pior vício que tenho", disse, acrescentando: "quando estava a beber ou a drogar-me, só me afetava a mim. O vício em sexo afeta toda a gente".

Ozzy assume que o caso provocou estragos no seu casamento, mas mantém a promessa de tratar a sua condição. "Se parares, o pequeno monstrinho na tua cabeça abre o olho e é assustador", disse.