Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Alanis Morissette

6 anos de prisão para o homem que roubou milhões a Alanis Morissette

Jonathan Schwartz declarou-se culpado de ter desviado fundos dos seus clientes

O antigo manager de Alanis Morrissette, Jonathan Schwartz, foi esta semana condenado a seis anos de prisão.

Schwartz declarou-se culpado de ter desviado milhões de dólares em fundos dos seus clientes, sendo que só a Alanis o agente roubou mais de 5 milhões de dólares, algo como 4,5 milhões de euros.

Apesar de Schwartz ter pedido desculpa a Alanis, a cantora reagiu dizendo "não acreditar em nada do que sai da boca" do ex-agente.

Schwartz irá agora cumprir uma pena de 72 meses de prisão, aos quais se seguirão três anos em que será supervisionado e sujeito a testes para despiste de drogas e aconselhamento psiquiátrico.

Para além disso, o ex-agente será também obrigado a pagar uma indemnização no valor de 7,8 milhões de euros.