Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Chuck Berry, um gigante entre os gigantes: a homenagem dos Rolling Stones e de Bruce Springsteen

A morte de Chuck Berry mereceu homenagens por parte dos grandes nomes do rock

A morte de Chuck Berry, um dos "pais" do rock n' roll, aos 90 anos mereceu inúmeros lamentos e homenagens por parte das grandes figuras do género.

Uma das primeiras vozes que se ergueu foi a dos Rolling Stones, banda muito influenciada pela música de Berry, que emitiram um comunicado em conjunto, primeiro, e fizeram as suas homenagens pessoais, posteriormente.

O vocalista Mick Jagger disse, nas redes sociais, estar "triste" pela morte de Berry, agradecendo-lhe ainda "toda a música e inspiração que nos deu". "Eras fantástico, e a tua música viverá para sempre", escreveu ainda.

Já Keith Richards, guitarrista em muito influenciado por Berry - e que chegou a subir ao palco com este -, disse que "uma das suas luzes se apagou" e partilhou, no Twitter, várias fotografias suas com o norte-americano.

Bruce Springsteen, que tocou com Chuck Berry nos anos 70 e novamente em 1995, aquando da entrada deste no Rock N' Roll Hall of Fame, disse do seu conterrâneo que "era o maior praticante do rock, o maior guitarrista, e o compositor mais purista que já viveu", lamentando ainda "a perda de um gigante".

Veja aqui as homenagens dos Rolling Stones e de Bruce Springsteen: