Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Michael Berman

John Grant vai escrever a sua autobiografia: “Talvez seja a cura para as vossas insónias”

O músico promete contar a história de “um humanoide homossexual, músico de classe média baixa”

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

John Grant vai escrever a sua autobiografia.

O músico norte-americano que, depois de lançar vários álbuns com a banda The Czars, conheceu sucesso com o primeiro disco a solo, Queen of Denmark, promete aproveitar o livro para contar não só a história da sua carreira como da sua vida "extraordinária".

"Desafiando qualquer noção de racionalidade e bom senso, [a editora] Little, Brown vai dar-me a oportunidade de escrever um livro sobre as minhas experiências até agora. Esta será a história de um humanoide homossexual, músico, de classe média baixa; de um entusiasta por línguas, cronicamente deprimido e falhado que, apesar das suas limitações, está a aprender a apreciar a vida, a perceber as relações humanas e a tornar-se adulto. Talvez seja a cura para as vossas insónias".

Por seu turno, a representante da editora que comprou os direitos da obra afirmou: "Sou uma grande fã da música de John Grant, mas não fazia ideia da vida extraordinária que tem tido. A sua história é uma história de família, alienação, masculinidade, autodestruição, sobrevivência, espírito criativo - e contada com tanta piada que comoveu toda a gente que leu a sua proposta. A sua voz escrita é tão única e intimista como a sua música - transporta-nos diretamente para o seu mundo. E que mundo enorme, fascinante e cheio de compaixão", descreveu Antonia Hodgson.