Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Geri Halliwell emociona-se ao recordar George Michael: “Ele protegeu-me quando saí das Spice Girls”

Artista britânica falou sobre o amigo, que morreu no passado mês de dezembro, pela primeira vez em público

Geri Horner, que o mundo conheceu como Geri Halliwell das Spice Girls, emocionou-se ao recordar o amigo George Michael numa entrevista a um programa de televisão britânico. A artista revelou que o cantor, falecido em dezembro passado, a protegeu quando ela saiu do grupo.

"Era uma pessoa tão amável", diz Horner, "foi muito chocante. Mas, subitamente, tenho um bebé. É o ciclo da vida, simplesmente não estávamos à espera. Era um homem tão bom".

A artista diz ainda que Michael era muito sincero com ela: "dizia-me quando as coisas que eu fazia eram uma porcaria e dizia-me quando estava a fazer as coisas bem. Era bastante normal".

Recorde-se que a autópsia de Michael foi recentemente divulgada, revelando que o artista morreu de "causas naturais".