Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

António Homem Cardoso

João Braga sob polémica: “Agora basta ser-se preto ou gay para ganhar Óscares”

O fadista foi acusado de homofobia e racismo após questionar a escolha de Moonlight para Melhor Filme

O fadista João Braga envolveu-se, esta segunda-feira, em polémica. Tudo por causa de uma publicação na sua conta oficial do Facebook, em que criticou a escolha de Moonlight como Melhor Filme, na cerimónia deste ano dos Óscares.

Braga escreveu que "agora basta ser-se preto ou gay para ganhar Óscares", numa alusão ao teor geral do filme, sobre o crescimento e a vida de um jovem negro e homossexual.

O fadista foi, de imediato, bastante criticado por muitos dos seus seguidores - e não só - que o acusaram de racismo e homofobia, algo negado pelo próprio em algumas respostas ao seu comentário.

Braga fez, aliás, uma outra publicação em que afirma que "os herdeiros de Estaline são mesmo avessos à liberdade de expressão", recusando qualquer pedido de desculpas.