Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Adele

Getty Images

Cerimónia dos Grammys é hoje. E este é o programa de festas

A gala terá lugar no Staples Center, em Los Angeles, a partir das 17h locais

Realiza-se esta noite a gala anual dos Prémios Grammy, a 59ª no total, que premiará o que de melhor se fez na música ao longo do último ano.

A cerimónia, que será apresentada pelo comediante James Corden (autor de Carpool Karaoke), terá lugar no Staples Center, em Los Angeles, pelas 17h locais (1h em Portugal continental).

Com nove nomeações, é de Beyoncé o maior favoritismo, ela que concorre em três das categorias mais importantes - Melhor Canção do Ano, Melhor Álbum do Ano e Melhor Disco do Ano - com Adele, nomeada para "apenas" cinco categorias.

Também Rihanna, Drake e Kanye West - estes dois últimos tendo boicotado esta cerimónia - não deverão ficar sem um prémio, estando nomeados cada um em oito categorias.

A cerimónia dos Grammys não é feita, no entanto, apenas dos prémios que lhe dão o nome. Também haverá várias atuações ao longo da noite, com a mais "bizarra" a juntar Lady Gaga aos Metallica, não se sabendo ainda que forma tomará.

Este tipo de cruzamentos, aliás, é o que não vai faltar na gala; também os Daft Punk se juntarão a The Weeknd, com quem colaboraram em Starboy (2016), e Demi Lovato pisará o palco na companhia de Andra Day e Tori Kelly para um tributo aos Bee Gees.

Para além destes, espere-se duetos entre William Bell e Gary Clark Jr., Chance the Rapper e Kirk Franklin, Cynthia Erivo e John Legend, Maren Morris e Alicia Keys, Carrie Underwood e Keith Urban e Anderson .Paak e os A Tribe Called Quest.

Bruno Mars, Kelsea Ballerini, Little Big Town, Lukas Graham, Adele, Sturgill Simpsons e Katy Perry, que interpretará o seu novo single, "Chained to the Rhythm", completam o leque de atuações.

A presença de Beyoncé, cuja atuação não foi confirmada entretanto, também terá interesse por si só; será a primeira aparição pública da cantora norte-americana, após ter anunciado estar grávida de gémeos.

A gala não deixará, também, de homenagear duas das maiores figuras da pop falecidas no último ano: Prince e George Michael. Especula-se que seja Bruno Mars a prestar tributo ao primeiro, mas pouco ou nada se sabe ainda sob o formato que estas homenagens terão.