Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

John Wetton (à esquerda) com Rick Wakeman

Getty Images

Morreu John Wetton, dos Asia e King Crimson

O músico morreu aos 67 anos, vítima de um cancro no cólon

Morreu John Wetton, antigo baixista e vocalista dos King Crimson e dos Asia. Tinha 67 anos e sofria de cancro no cólon.

Wetton começou por criar fama em bandas como os Family, Mogul Thrash, Uriah Heep e até Roxy Music, antes de formar o supergrupo prog U.K. em 1977 e os Asia em 1981.

O seu trabalho nos King Crimson, banda charneira do rock progressivo, foi curto, mas rendeu três álbuns hoje considerados como clássicos do género: Larks' Tongues In Aspic (1973), Starless and Bible Black (1974) e Red (1974).

Carl Palmer, baterista dos Emerson, Lake & Palmer e colega de Wetton nos Asia, lamentou a morte deste escrevendo, nas redes sociais, que "o mundo perdeu mais um gigante da música".

"[Wetton] criou algumas das melodias e letras mais duradouras da música popular moderna. Como músico, era bravo e inventivo, e tinha uma voz que levou a música dos Asia ao topo das tabelas de vendas de todo o mundo", acrescentou.

Também Jakko Jakszyk, guitarrista dos King Crimson, prestou homenagem a Wetton dizendo sentir-se "honrado por poder chamar-lhe amigo". John Wetton deixa para trás a sua mulher, Lisa, e um filho, Dylan.