Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Rui M Leal

Morreu Cláudio Panta Nunes, dos Corvos

O violoncelista contava 32 anos

Morreu Cláudio Panta Nunes, músico da banda portuguesa Corvos. O violoncelista faleceu ontem aos 32 anos.

"É com grande consternação e tristeza que informamos que faleceu hoje o nosso querido Violoncelista Cláudio Panta Nunes, vítima de doença", escreveram os Corvos no Facebook. "Agradecemos eternamente o tempo que pudemos conviver com ele, que será sempre lembrado pelo profissionalismo, competência e grande amizade", pode ler-se no breve comunicado.

Cláudio Panta Nunes nasceu a 13 de janeiro de 1984 e iniciou os seus estudos musicais aos 8 anos, na Banda Filarmónica Musical de Almoçageme. Ainda criança, ingressou no Conservatório Nacional, tendo completado o 12º ano na Escola Profissional de Música de Almada. A sua formação concluiu-se depois na Escola Superior de Música de Lisboa. Cumpriu o Curso de Formação de Sargentos do Exército, integrando a banda do Exército desde 2005, o mesmo ano em que passou a tocar com os Corvos.

Miguel Ângelo foi um dos primeiros músicos a reagir à morte do artista. "Gravei com os Corvos 'A Queda de Um Anjo' e atuei com eles há um par de anos numa noite inesquecível na MEO Arena. Muito cedo... Um abraço apertado para a família e para a banda", escreveu no Facebook o ex-vocalista dos Delfins.