Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Morte de David Bowie terá sido suicídio assistido? Biógrafa diz que sim

Lesley-Ann Jones baseia-se no testemunho de um DJ da BBC Radio 1, Andy Peebles

A morte de David Bowie terá sido um suicídio assistido, afirma a escritora e biógrafa Lesley-Ann Jones. Jones baseia-se no testemunho de um DJ da BBC Radio 1, Andy Peebles, que diz ter recebido "várias chamadas" a dar conta disso mesmo.

A autora, que lançou recentemente um livro sobre David Bowie, Hero, diz não saber "quem o terá ajudado [a morrer]", mas crê não ter sido a família ou os amigos mais próximos.

"Se pensarem bem, o David controlou tudo à sua volta, ao longo da carreira", comentou, acrescentando: "Porque haveria a sua morte de ser diferente?".

O produtor Simon Napier-Bell, que trabalhou com os Yardbirds e os Wham!, entre outros, segue o mesmo diapasão - garantindo que a última fotografia de sempre de David Bowie foi "um ato deliberado". "Ele sabia que estava a morrer e queria ser relembrado desta forma: animado e feliz", disse.