Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Bono salvo pela polícia durante o atentado de Nice

Vocalista dos U2 encontrava-se a jantar num restaurante aquando do atentado

O vocalista dos U2, Bono, encontrava-se a jantar num restaurante em Nice, perto do local do atentado que matou mais de 80 pessoas, na passada quinta-feira. O músico acabou por ser salvo pela polícia francesa.

De acordo com o jornal britânico The Mirror, Bono estava no restaurante Le Petite Maison, junto ao Passeio dos Ingleses, quando o franco-tunisino Mohamed Bouhlel conduziu um camião contra as pessoas que ali se deslocaram para festejar o Dia da Bastilha.

À altura, o músico tinha por companhia o presidente da câmara de Nice, Christian Estrosi. Segundo o relato de um cliente, Bono "teve de colocar as mãos na cabeça e permanecer calmo, como toda a gente".

Esta é a segunda vez que Bono é apanhado no meio de um atentado terrorista em França; durante o ataque ao Bataclan, o vocalista dos U2 também se encontrava em Paris, onde a sua banda iria atuar.