Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

AC/DC em Sevilha, Espanha

Angus Young confirma estatuto de líder incontestável dos AC/DC em Sevilha

Imprensa local elogia prestação de Axl Rose e liderança de Angus Young, que protagonizou "um antológico solo de 16 minutos"

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

O concerto dos AC/DC com Axl Rose em Sevilha, ontem à noite, foi elogiado pela imprensa local.

"Uma grande noite de rock pela mão de um explosivo Angus Young, que aos 61 anos se confirma como líder incontestável dos AC/DC, após a saída de Brian Johnson", escreveu o site 20 Minutos.

"Nem a mudança de vocalista nem as agruras do tempo conseguiram obscurecer o regresso da banda australiana a Sevilha, onde provaram às mais de 60 mil pessoas que deixaram o Estádio Olímpico da Cartuja a abarrotar que ainda são capaz de arrepiar [o público]".

No mesmo site, pode ler-se que a promotora do espetáculo em Sevilha foi criticada por não atender a todos os pedidos de reembolso, por parte dos fãs descontentes, e também pela demora na entrada no estádio. Alguns espectadores demoraram uma hora a entrar, o que se refletiu num atraso de meia hora no começo do concerto.

Tal como em Lisboa, a chuva "caiu intensamente" sobre Sevilha durante o dia do concerto, parando porém durante o concerto.

"Viram-se muitos fãs dos AC/DC vindos do estrangeiro, muitos seguidores com alguma idade e muitos com os seus filhos e até netos", aponta ainda o repórter.

"Axl Rose voltou a estar à altura das circunstâncias, como em Lisboa no passado fim de semana, mas por vezes sentiu-se a falta da voz áspera de Brian Johnson", considera o jornalista.

Quanto a Angus Young, escreve: "Se durante todo o concerto se mostrou genial, com 'Let There Be Rock' demonstrou porque é uma lenda, protagonizando um solo antológico de 16 minutos perante a um público extasiado pela vitalidade de que faz gala aos [61] anos".