Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Últimos dias para comprar a BLITZ de abril com CD grátis de homenagem a Lou Reed

As canções mais emblemáticas de Lou Reed interpretadas ao vivo por Zé Pedro e os seus Ladrões do Tempo, com convidados Tomás Wallenstein (Capitão Fausto), Lena D'Água e Frankie Chavez. Não perca!

Em 2014, Zé Pedro juntou os seus Ladrões do Tempo e convidou alguns amigos para se juntarem a ele em palco, passando em revista a carreira de Reed com versões de algumas das suas canções mais emblemáticas, quer a solo quer com os Velvet Underground. Foi no Super Bock Super Rock, então no Meco.

Alguns dos temas apresentados nesse concerto chegam agora no CD exclusivo que acompanha a edição deste mês da BLITZ, que estará já por poucos dias nas bancas. Zé Pedro faz as apresentações. Leia também a entrevista com o homem forte do projeto.

"Homenagem a Lou Reed" grátis com a BLITZ de abril

"Homenagem a Lou Reed" grátis com a BLITZ de abril

1. Rock ‘N’ Roll

Alguns temas foram experimentados mas não conseguimos dar o nosso toque pessoal, não encontrámos uma estrutura que nos satisfizesse, mas o «Rock ‘N’ Roll» ficou logo bem quando começámos a tocá-la e sugeri que abrisse o concerto. Assim aconteceu, com uma batida do Samuel e depois os instrumentos a serem postos em cima.

2. Waiting for the Man

Também chegámos a este tema rapidamente. O Paulo [Franco] estava perfeitamente à vontade a cantá-lo. O Tó Trips é um guitarrista muito criativo e consegue fazer coisas inesperadas por cima das músicas que acabam por torná-las pessoais. Usa a sua guitarra para tornar os temas um bocadinho nossos. Estes dois temas com o Paulo nas vozes foram uma boa escolha de entrada de espetáculo.

3. Sunday Morning
A Lena D’Água era a voz que eu queria. Telefonei-lhe a perguntar se estava interessada em participar nesta comemoração e ela ficou logo toda entusiasmada. Disse que gostava imenso da música, portanto houve ali uma ligação automática. Os ensaios decorreram com ela a comandar e nós a irmos um bocadinho atrás dela a tentar arranjar-lhe um conforto para a voz.

4. Vicious

É um clássico do Lou Reed que não poderia faltar nesta homenagem. E, tal como o «Waiting for the Man», é uma música que podemos tocar num encore dos Ladrões do Tempo. Com a entrada do Tó e depois as vozes a subirem, criou-se ali um ambiente muito bom e a música desenvolveu-se depois com uma força de que gosto imenso e um rock musculado que os Ladrões do Tempo conseguem fazer muito bem.

5. Venus in Furs
Esta versão tem um ótimo arranjo, sugerido pelo Donny Bettencourt. Quando o Tomás chegou à sala de ensaios, tínhamos praticamente a música preparada para ele cantar por cima e também tocar a guitarra. Em palco, a música ficou maior, no estúdio, quando foi para fazer a mistura e a preparação deste disco, foi encurtada um bocadinho. No concerto, tinha mesmo o ambiente prolongado do psicadelismo natural. E o Tomás [Wallenstein], que estava com o braço em gesso, conseguiu fazer as partes de guitarra muito bem, não só nos ensaios como em palco.

6. Sweet Jane
Mais um clássico que também foi escolhido por causa disso. Não me lembro se foi o Paulo Franco que sugeriu, se calhar toca-o nos Rock’n’Roll Station, mas também ficou entregue exclusivamente a nós.

7. White Light/White Heat

Tive muito gosto em convidar o Frankie Chavez, que é um amigo de todos nós e um grande músico. Adoro-o e queria uma música forte sobre a qual ele pudesse meter a sua guitarra. Acabou por fazer um slide guitar muito bom. Acho que foi muito bem conseguida. Fiquei muito contente por termos conseguido aproveitar as faixas com estes três convidados para pôr neste disco.