Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Rita Carmo

Bruce Springsteen cancela concerto por causa de lei anti-LGBT

O músico insurgiu-se contra uma lei aprovada recentemente pelo estado da Carolina do Norte

Bruce Springsteen cancelou o concerto que tinha agendado este fim-de-semana em Greesnboro, no estado norte-americano da Carolina do Norte, em protesto contra uma nova lei aprovada recentemente.

Essa mesma lei proíbe, por exemplo, cidadãos transsexuais de utilizarem as casas de banho destinadas ao género com que se identifiquem, assim como proíbe os municípios de criarem as suas próprias leis anti-discriminação.

A aprovação da lei motivou o cancelamento do espetáculo por parte do Boss, que reagiu através de um comunicado partilhado nas redes sociais. Diz Springsteen que "há coisas mais importantes que um concerto rock" e que "esta luta contra o preconceito e a intolerância é uma delas".

Springsteen é uma das muitas vozes que se têm insurgido contra esta lei: a empresa de pagamento online Paypal voltou atrás na sua decisão de abrir um centro de operações em Charlotte, na Carolina do Norte, devido à mesma e a Lionsgate, bem como a A&E, prometeram não voltar a filmar séries televisivas e filmes naquele estado.

Leia aqui o comunicado de Bruce Springsteen, na íntegra: