Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Blink-182

Rolling Stone faz lista dos 40 melhores álbuns punk de sempre: há Blink-182, mas não há “London Calling”, dos Clash

Publicação norte-americana inclui discos de Green Day, Joy Division, Ramones e Sex Pistols no top

A revista norte-americana Rolling Stone compilou uma lista com aqueles que defende serem os melhores álbuns punk de sempre e incluiu Enema of the State dos Blink-182 mas não Raw Power dos Stooges ou London Calling dos Clash.

Da lista fazem parte álbuns dos Nirvana, Green Day, Joy Division, New York Dolls, Sex Pistols ou Ramones - nenhuma das bandas tem mais do que um álbum no top. Consulte a lista completa abaixo.

40. Dead Kennedys - Fresh Fruit for Rotting Vegetables
39. Devo - Q: Are We Not Men? A: We Are Devo!
38. White Lung - Deep Fantasy
37. Blink-182 - Enema of the State
36. Crass - Penis Envy
35. Fugazi - 13 Songs
34. Joy Division - Unknown Pleasures
33. The Slits - Cut
32. The Misfits - Walk Among Us
31. Yeah Yeah Yeahs - Fever to Tell
30. Sonic Youth - Evol
29. The Replacements - Sorry Ma, Forgot to Take Out the Trash
28. The Germs - (GI)
27. Minor Threat - Complete Discography
26. Flipper - Generic
25. Mission of Burma - Vs.
24. The Jam - All Mod Cons
23. Pere Ubu - Terminal Tower
22. Bikini Kill - The Singles
21. Richard Hell and the Voidoids - Blank Generation
20. X-Ray Spex – Germfree Adolescents
19. Bad Brains – Bad Brains
18. Green Day – Dookie
17. Television – Marquee Moon
16. Descendents – Milo Goes to College
15. New York Dolls – New York Dolls
14. Sleater-Kinney – Dig Me Out
13. Hüsker Dü – Zen Arcade
12. Patti Smith – Horses
11. The Buzzcocks – Singles Going Steady
10. Nirvana – Nevermind
9. X – Los Angeles
8. Black Flag – Damaged
7. Minutemen – Double Nickels on the Dime
6. Wire – Pink Flag
5. Gang of Four – Entertainment!
4. The Stooges – Funhouse
3. Sex Pistols – Never Mind the Bollocks Here’s the Sex Pistols
2. The Clash – The Clash
1. Ramones – Ramones

  • A história do punk “made in Portugal”

    Notícias

    Primeiro foi um disco pirata de António Sérgio. Vieram depois os Faíscas e os Aqui d’el Rock. Por cá, mas também lá fora, um jovem Zé Pedro tomava notas sobre aquela que viria a ser a influência primordial dos Xutos & Pontapés. Traçamos o percurso do punk português, passando pela “resistência” dos anos 80, com Mata Ratos, Crise Total e Ku de Judas, a “tradição coimbrã” dos anos 90, com os Tédio Boys (na foto), e a vaga hardcore dos X-Acto.

  • Ramones: 1, 2, 3, 4! Uma das mais intensas histórias do punk

    Notícias

    “Blitzkrieg Bop”, o primeiro single de sempre dos Ramones, faz 40 anos este mês. De Nova Iorque para o mundo, a banda de Johnny e Joey ajudou a inventar o punk e foi-lhe fiel como poucas. Rui Miguel Abreu conta como um gangue de desajustados conseguiu tornar-se uma das bandas mais influentes de sempre