Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Justin Timberlake

O dia em que o Cirque du Soleil processou Justin Timberlake

Em questão está um sample usado pelo músico norte-americano no tema “Don't Hold the Wall”

Justin Timberlake foi processado pelo Cirque du Soleil por alegadamente utilizar, sem autorização, um sample de "Steel Dream" (tema utilizado pela companhia de circo no espetáculo Quidam, em 1997) em "Don't Hold the Wall", canção incluída no álbum The 20/20 Experience, de 2013.

Segundo a revista Variety, o Cirque du Soleil processou não só Timberlake, mas também o produtor Timbaland, os coautores de "Don't Hold the Wall" J-Roc e James Fauntleroy e também as editoras Sony Entertainment, Universal Music e WB Music Corp. A companhia de circo pede 800 mil dólares (700 mil euros) por usurpação de direitos de autor. Ouça os dois temas em questão abaixo.

Este é o segundo processo instaurado este ano com base em música presente no álbum de Timberlake: dois elementos dos Sly, Slick & Wicked levaram a Universal a tribunal dizendo que não autorizaram a utilização do sample com as suas vozes incluído no tema "Suit & Tie".