Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Eagles of Death Metal no Olympia

Getty Images

Teoria da conspiração? Eagles of Death Metal desconfiam do staff do Bataclan

Jesse Hughes diz que houve vários seguranças que não foram trabalhar naquela noite por saberem dos ataques

Jesse Hughes, vocalista e guitarrista dos Eagles of Death Metal, sugeriu recentemente em entrevista que alguns dos seguranças do Bataclan tinham conhecimento dos ataques.

Segundo Hughes, cerca de seis a sete seguranças do espaço terão faltado ao trabalho naquela fatídica noite, aparentemente sem motivos para tal.

"Quando entrei no recinto, passei pelo tipo que fazia a segurança dos bastidores. Nem sequer olhou para mim. Falei imediatamente com o promotor e disse-lhe que queria ter mais um segurança, e ele respondeu que os outros ainda não tinham chegado", relatou Hughes à Fox Business Network.

O músico acrescentou ainda que não quer, para já, falar muito mais sobre o caso. "Por respeito à investigação policial que ainda decorre, não farei um comunicado definitivo. Mas parece-me que [os guardas em questão] tinham um motivo para não aparecerem", disse.

Não é a primeira vez que Hughes debita teorias radicais, mesmo sobre os atentados de Paris. No mês passado, o músico sugeriu que os ataques poderiam ter sido evitados se em França o uso e o porte de armas pelos cidadãos fossem legais.