Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Lady GaGa

Lady Gaga também defende Kesha. “O que lhe aconteceu tem acontecido a muitas artistas, eu incluída”

A artista norte-americana partilhou, nas redes sociais, uma fotografia na qual surge de mãos dadas com a colega de profissão

Lady GaGa já tinha demonstrado publicamente o seu apoio a Kesha, que acusa o produtor Dr. Luke de a ter violado, mas voltou a falar do assunto de forma mais desenvolvida. "Muitas mulheres ficam caladas durante anos com medo que ninguém acredite nelas ou porque os seus abusadores ameaçam as suas vidas, das pessoas que elas amam ou os seus meios de subsistência para as manterem caladas e sob controlo", lê-se num post no Instagram.

A artista, que publicou também na semana passada uma fotografia na qual surge de mãos dadas com a colega (veja abaixo), vai mais longe, acrescentando: "o que aconteceu à Kesha tem acontecido a muitas artistas, eu incluída, e vai afetá-la para o resto da sua vida. Ninguém precisa de validar a Kesha. Por que razão a vítima é sempre a 'mentirosa'? Por que razão deixamos que pessoas em posições de poder se safem a agir de forma desumana? Estes tipos escondem-se por trás do sistema legal e é o seu comportamento litigioso que usam para violar estas raparigas. 'Dá-me o que eu quero ou persigo-te' e têm todo o dinheiro e recursos para fazê-lo".

Recorde-se que em dezembro de 2014, GaGa revelou, em entrevista a Howard Stern, que foi abusada sexualmente quando tinha 19 anos. "Não me afetou tanto na altura quanto me afetou quatro ou cinco anos depois", disse, "bateu-me com tanta força. Fiquei tão traumatizada que só pensava 'continua em frente', porque tinha de sair daquilo". Alguns dias depois da entrevista, o advogado de Kesha disse, via Twitter, que tinha sido Dr. Luke a violar GaGa, algo que os representantes da artista negaram veementemente em declarações à Rolling Stone.

Instagram