Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Dave Grohl revela que David Bowie (também) recusou trabalhar consigo

Depois de revelações do mesmo género por parte dos Coldplay e dos Red Hot Chili Peppers, também Grohl recorda o dia em que Bowie lhe deu uma “tampa"

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

Dave Grohl e Pat Smear fizeram uma visita guiada a alguns dos lugares favoritos de David Bowie em Los Angeles, a convite da Playboy.

Durante esta viagem de carro, Pat Smear revela que foi sua a ideia de os Nirvana tocarem "The Man Who Sold The World", de Bowie, no MTV Unplugged, e que os membros da sua antiga banda, os The Germs, eram fãs obcecados do britânico.

Por seu turno, Dave Grohl conta que convidou mesmo David Bowie a trabalhar consigo, sem sucesso.

"Tocámos na festa de 50 anos do David Bowie em Madison Square Garden. Essa foi a última vez que o vi. E há uns dois anos, recebi um convite para fazer uma canção para um filme, e pensei: se calhar arranjo outra pessoa para cantar. Faço a música e convido outro vocalista para cantar".

Um dia depois de convidar David Bowie, Dave Grohl recebeu um mail do londrino, dizendo: "David, vi o filme e tenho de ser franco, não é bem a minha cena. Não fui tempo para estes tempos".

Os músicos continuaram a trocar mensagens, com Grohl a agradecer o tempo dispensado por Bowie e este a responder: "Muito bem, então ficamos conversados. Agora vai-te f*der".

"Não percebi se estava a brincar ou a falar a sério", confessa Dave Grohl sobre esta "despedida" do mítico músico, desaparecido em janeiro, aos 69 anos. Veja aqui o vídeo.