Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Getty Images

Porque Lauryn Hill se recusou a atuar com The Weeknd

Hill e Tesfaye chegaram a ensaiar durante o fim-de-semana, mas o segundo acabou por atuar sozinho

Lauryn Hill foi ausência notada da cerimónia de anteontem dos Grammys. A ex-Fugees deveria ter subido ao palco com The Weeknd para interpretar "In The Night", mas acabou por não o fazer.

Depois de, no fim-de-semana, os músicos terem ensaiado juntos - com fotografias a circular, inclusive, pelas redes sociais -, a expectativa era grande, mas depressa se tornou desapontamento. "É um desapontamento tanto para nós como para ela", declarou Neil Portnow, presidente da Recording Academy, criadora dos Grammys.

Por seu turno, Lauryn Hill já justificou a ausência através de um comunicado emitido durante a cerimónia. No mesmo, um representante da cantora diz que "a performance [de Lauryn Hill] foi anunciada de forma prematura e sem consentimento" e que a aparição de Hill "era para ser surpresa, mas infelizmente não se pôde concretizar".

Um comunicado que já motivou resposta por parte de Portnow: "Nada do que aí está escrito corresponde à verdade". O presidente da RA disse ainda que Lauryn Hill "ensaiou na segunda-feira de manhã, foi-se embora e não voltou a tempo de dar o espectáculo". Considerando o historial da cantora no que toca a chegar atrasada ou faltar a concertos, não custa acreditar.