Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Spotify terá 28 milhões de assinantes “pagantes”

Segundo a imprensa sueca, o serviço de streaming terá quase 100 milhões de utilizadores ativos em todo o mundo

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

O Spotify terá atualmente um total de 28 milhões de assinantes "pagantes" e quase 100 milhões de utilizadores ativos.

Segundo o jornal sueco Dagbladet, estes números representam que se registou, até ao final de 2015, um aumento de mais de 25 milhões de assinantes.

Num artigo publicado pelo Music Business Worldwide, escreve-se que a taxa de conversão alcançada pelo Spotify - transformando utilizadores do serviço grátis em assinantes que pagam uma mensalidade - será assim superior a 28%.

Entre 2012 e 2015, esta taxa nunca fora superior a 25%, destaca o mesmo site, alertando ainda para o facto de não se conhecer, por outro lado, o valor que cada utilizador paga pelo serviço.

Em 2015, por exemplo, o Spotify ofereceu aos utilizadores de vários países a possibilidade de usufruírem do Spotify durante três meses por apenas 99 cêntimos de dólares (91 cêntimos de euro).

Em 2014, acrescenta o mesmo site, o valor anual médio pago por cada assinante do Spotify seria de cerca de 60 euros - quase metade do preço "regular", graças a promoções e outras variações de preço.

Ainda assim, conclui o Music Business Worldwide, se 28 milhões de pessoas pagarem esse valor pelo serviço, o Spotify deverá averbar mais de mil milhões e meio de euros, 70% dos quais serão pagos aos detentores de direitos das músicas - "mais de 100 milhões de euros a entrar nos cofres da indústria da música todos os meses", conclui o mesmo artigo.